O risco de fazer maionese caseira na gravidez

Extrema precauções alimentares durante a gestação

Carlota Reviriego Nutricionista15 de novembro de 2017

Durante a gravidez o consumo de alimentos crus é uma das principais fontes de doenças de alto risco. Por exemplo, os queijos elaborados com leite fresco podem conter Listeria monocytogenes, os enchidos crus podem ser portadores de Toxoplasma gondii e os peixes e frutos do mar crus podem conter anisakis.

Às vezes se esquece que o principal ingrediente da maionese caseira é o ovo cru, um dos alimentos não recomendados durante a gravidez. Te contamos quais são os perigos de tomar maionese caseira na gravidez.

Por que não se deve tomar maionese caseira na gravidez

A Listeria monocytogenes é um patógeno alimentar de grande importância durante a gravidez, já que pode causar abortos, partos prematuros ou até mesmo a morte do feto, dependendo de em que trimestre contrair, mas patógenos, como o anisakis, não afetam diretamente o bebê, mas que podem causar uma reação de estômago, e em ocasiões alérgica, de certa seriedade na mãe. No caso de Toxoplasma gondii o risco de contaminação por os enchidos é mínimo, mas parece conveniente extremar as precauções.

A recomendação de não consumir ovos crus ou qualquer tipo de molho elaborada com os mesmos, baseia-se na probabilidade de contrair salmonelose, uma toxiinfección alimentar, cujos sintomas e conseqüências, se bem que não são excessivamente graves em condições normais para um adulto, se agravam durante a gravidez, podendo causar danos ao bebê. Portanto, lou mais recomendado é não consumir maionese caseira na gravidez.

A maionese é uma emulsão preparada à base de ovos e óleos vegetais, que é usado como molho frio em vários pratos. Se bem os pratos feitos em casa tendem a ser mais saudáveis e nutritivos, em questão microbiológica e/ou alimentar, no caso particular de a maionese, geralmente é ao contrário. A fabricação caseira de maionese supõe bater ovos com o óleo, enquanto que sua versão comercial, a que se pode encontrar nos supermercados, é feito com ovos pasteurizados.

A pasteurização é um processo térmico que visa controlar os microrganismos patogénicos nos alimentos sem alterar em excesso suas propriedades físicas e químicas, ou as suas características organolépticas. Na realidade, seu objetivo não é eliminar todos os microorganismos, mas somente diminuir as populações microbianas para que não causem intoxicações alimentares. Este tratamento pode ser mais ou menos agressivo em relação ao tempo e temperatura, e também varia em função do alimento que se pasteuriza.

O ovo inteiro e a gema são um pouco mais resistentes que a clara, que apenas suporta temperaturas inferiores a 60ºC. Para garantir a destruição de Salmonella pode considerar-se como válido o tratamento do produto a 64,5 ° C durante 2 minutos e meio, aumentando o tempo quando se considera uma possível contaminação por Salmonella anormalmente elevada.

É possível pasteurização de ovos em casa, mantendo-os a uma temperatura inferior a 65ºC durante 4 minutos, embora, do ponto de vista microbiológico, durante a gravidez ainda é mais seguro usar as maionese comerciais.

Embora pareçam excessivas, as proibições alimentares durante a gravidez tentam proteger a saúde da mãe e do bebê, por isso é conveniente segui-los durante os 9 meses de gestação.

O que você deve evitar durante a gravidez

Promovido

A resiliência é a capacidade do ser humano para enfrentar qualquer situação, mesmo as mais adversas, de forma positiva.

Sua semana de gravidez

  1. Capa
  2. Alimentação
  3. Gravidez
  4. O risco de fazer maionese caseira na gravidez

Relacionados

DesconfortoGravidezGravidezGravidezGravidezEmbarazomayonesa maionese caseira ovo cru salmonelas intoxicação alimentar parto prematuro riscos na gravidez

0 Comentários

×

Responsável ” Polegar Meios S.L. N. E

Objectivo ” Gerir os comentários ou Registro na web

Legitimação ” Consentimento do titular dos dados

Direitos ” Tem o direito de aceder, rectificar e cancelar os dados, bem como outros direitos, como se explica a informações adicionais

Informações adicionais “, você Pode consultar a informação adicional e mais detalhada sobre a Protecção de Dados Pessoais na Política de Privacidade e Aviso Legal https://www.guiainfantil.com

O mais visitado

AlimentaçãoBebêsLazerSaúde

Boletim informativo Semanal GuiaInfantil.com

Receba nossas novidades em seu e-mail

×

Responsável ” Polegar Meios S. L. N. E

Objectivo ” Gerir os comentários ou Registro na web

Legitimação ” Consentimento do titular dos dados

Direitos ” Tem o direito de aceder, rectificar e cancelar os dados, bem como outros direitos, como se explica a informações adicionais

Informações adicionais “, você Pode consultar a informação adicional e mais detalhada sobre a Protecção de Dados Pessoais na Política de Privacidade e Aviso Legal https://www.guiainfantil.com

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, elaborar informação estatística e para a veiculação de publicidade personalizada. Se você continuar a navegar ou fechar a mensagem, entendemos que você está aceitando. Você pode alterar as configurações na nossa Política de Cookies

GuiaInfantil.com é o site líder em audiência na categoria ” Família e Estilo de Vida, com 14 milhões de visitantes por mês.

Polegar Meios S.L. © 2000-2018. Todos os direitos reservados.

Made with by 360audience

Leave a Reply